Crônica

domingo, 7 de novembro de 2010
Nos "Anos 50" Nos "Anos 50" Muitos dos contratos de bairro entre o comerciante e o cliente começavam pela palavra de honra e um aperto de mão. As mãos tinham a sua importância nos anos 50. Não só porque se faziam muitas coisas com as mãos; também porque as pessoas que faziam coisas com as mãos ainda não tinham começado a ser desrespeitadas e substituídas por máquinas.
sábado, 16 de outubro de 2010
guerrilha civil? guerrilha civil? Terminado o segundo turno, parte dos eleitores brasileiros vai comemorar, enquanto outra parte - talvez não muito menor - vai ficar frustrada e com sentimento de derrota. Haverá emoções que lembrarão a conquista do penta em 2002 no Japão ou a recente perda da copa na África do Sul. Só que neste segundo turno, quem entra em campo não é nenhum mercenário da bola e sim o povo brasileiro. Independentemente do resultado das urnas, quem sai vitoriosa é a nossa democracia... não é?
domingo, 5 de setembro de 2010
EU,O VITÓRIA E A IMPLOSÃO EU,O VITÓRIA E A IMPLOSÃO Ontem à noite me resolvi. Iria assistir à implosão do Estádio da Fonte Nova. Fiquei em dúvida vários dias por me assaltarem sentimentos de tristeza. Afinal, foi ali que me iniciei esportivamente, quando meu pai me levava para entrar em campo com o time do Vitória, e onde comecei, a partir de 1961 (Bahia 1 X 1 Santos), a assistir aos grande jogos (e depois, aos pequenos, mesmo!).
sábado, 21 de agosto de 2010
Joue-nous Raoul! Joue-nous Raoul! — O canhestro. — Hein? — O príncipe das trevas. — Paulo Coelho adorando o capeta? Agora embolou tudo. — Avisei... Tem coisas que não dá pra traduzir. Por melhor que você chegue a falar uma segunda língua, existem expressões que necessitariam de tanto tempo para serem explicadas que é melhor nem tentar.
segunda-feira, 21 de junho de 2010
Deus e Ratzinger Deus e Ratzinger SARAMAGO *16 DE NOVEMBRO DE 1922 + 18 DE JUNHO DE 2010 Que pensará Deus de Ratzinger? Que pensará Deus da igreja católica apostólica romana de que este Ratzinger é soberano papa? Que eu saiba (e escusado será dizer que sei bastante pouco), até hoje ninguém se atreveu a formular estas heréticas perguntas, talvez por saber-se, de antemão, que não há nem haverá nunca resposta para elas.
domingo, 25 de abril de 2010
Sexual tour;bastidores Sexual tour;bastidores Quando recebi a notícia para aparecer na redação do jornal virtual alemão “Der schlaue Brasilienreisende”, “o sabido viajante pelo Brasil”, a fim de discutir um trabalho de “freelancer”, estava excitado demais para farejar algum problema.Mas chefe – disse eu. – Eu não posso me mostrar com uma dessas pessoas “públicas” em público! O gravador entre pratinhos e copos num barzinho da orla...
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10


Copyright 2014 ® Todos os Direitos Reservados.