Comportamento

sábado, 17 de julho de 2010
A força da Palavra A força da Palavra De modo geral , somos muito descuidados com o uso das palavras. Entretanto, a maioria das coisas que obtemos (um desafeto, uma amizade, uma demissão, uma promoção, um emprego, etc) são resultados de nossas palavras. Uma palavra otimista, positiva, confiante, generosa, compreensiva, amorosa pode mudar completamente a tendência de um ambiente tenso, depressivo. Podemos reverter radicalmente uma situação através das palavras que emitimos.
sábado, 26 de junho de 2010
vou acabar ficando nu... vou acabar ficando nu... Os streakers rompem com as normas do politicamente correto. Para muitos,a nudez já não é tabu,mas continua a ser transgressora: é a forma de atrair mais atenção.O fotográfo Spencer Tunick por exemplo, massificou a nudez.Já chegou a fotografar 18 mil pessoas nuas. Todas posaram espontaneamente.
domingo, 20 de junho de 2010
“felizes para sempre”? “felizes para sempre”? Uns trocaram os luxos que tinham por uma cabana. Outros mudaram de vida por um amor. Encontrar alguém que tenha feito os dois já é mais difícil. E se a cabana não tem água corrente? E se o espaço começa a ser pequeno para os dois? Será que “o amor e uma cabana” passou a ser tão improvável como o “felizes para sempre”?
sábado, 8 de maio de 2010
QUEM CHEGA PRIMEIRO MANDA QUEM CHEGA PRIMEIRO MANDA O educador australiano Michael Grose, autor de um Best-seller cujo titulo em tradução livre para o português é “Porque os Primogênitos Governam o Mundo e os Irmãos Mais Novos Querem Mudá-lo”, explica como a ordem de nascimento pode afetar a nossa personalidade. Ele mesmo, o mais novo de quatro irmãos e pai de três filhos, tenta explicar a sua discutida tese. Convence?
sábado, 20 de março de 2010
Filhos? Não, obrigado! Filhos? Não, obrigado! Eu não quero ter filhos, nunca quis e desde sempre o senti.» Numa frase, o Raios-X ao pensamento de uma mulher que chegou aos 40 sem querer viver os chamados prazeres da maternidade. O minúsculo coração batendo, que a ecografia revela o primeiro dia de escola, o soprar das velas a cada ano que passa os presentes do Dia da Mãe feitos por mão própria, são os momentos que Ana Godinho sabe que nunca vai viver. Simplesmente porque não quer.
domingo, 14 de fevereiro de 2010
Espelho meu espelho meu.. Espelho meu espelho meu.. Com mais ou menos floreados, os cosméticos sempre se arvoraram em Ponce de León — o espanhol do século XVI que teria descoberto a mítica fonte da juventude. Anos após ano, cremes e poções prometeram às mulheres beleza, viço, sensualidade e, por implicação, amor. Independentemente dos méritos dos produtos, do ponto de vista comercial a coisa resultou (com o perdão do trocadilho)... lindamente. Afinal, a esperança é mais difícil de se jogar fora do que um bumerangue velho.
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10


Copyright 2014 ® Todos os Direitos Reservados.