Vinhos

terça-feira, 9 de setembro de 2014
Angelo Gaja, o melhor winemaker da Itália Angelo Gaja, o melhor winemaker da Itália Qualquer coisa que se diga sobre Gaja é pouco. Ele certamente estará em qualquer lista dos dez ou cinco produtores de maior reputação em todo o mundo, em qualquer lista dos mais revolucionários, ou dos mais importantes para a história do vinho nas últimas décadas. Seus maravilhosos vinhos também estão sempre nas mais curtas listas dos melhores e mais cultuados vinhos do mundo, e com toda razão. A verdade é que o impacto de Angelo Gaja no mundo do vinho nos últimos 30 anos não pode ser superestimado.
domingo, 10 de agosto de 2014
Na casa do Porto, Imperdível promoção de vinhos mais que especiais Na casa do Porto, Imperdível promoção de vinhos mais que especiais Integrante de um seleto grupo de comerciantes e importadores de vinho, Péricles Gomes é hoje um dos mais respeitados e importantes desse grupo. Dono de lojas em Vitória e Belo Horizonte (duas) e São Paulo, ele destaca-se pelo garimpo de bons vinhos em todos os quadrantes do planeta onde se produz o precioso liquido. Na sua Casa do Porto em todos os seus endereços, dos mais caros e sofisticados vinhos de guarda até os de menor valor aquisitivo, o mineiro nascido em Viçosa e criado em Governador Valadares só trabalha com bons vinhos. “A vida é muito curta para se beber vinho ruim”. “só vendo o vinho que posso beber com prazer”, costuma afirmar.
quarta-feira, 6 de agosto de 2014
Orgânico; um novo vinho Orgânico; um novo vinho O conceito de uma plantação orgânica baseia-se na biodiversidade, ou seja, a eliminação da monocultura e cultivo de várias espécies em um mesmo habitat. Difícil imaginar isso aplicado a um vinhedo, cuja característica principal são as enormes áreas cultivadas com parreiras. Pois nas plantações orgânicas é exatamente o que ocorre: diferentes tipos de pastos e flores se misturam às parreiras, sendo atrativas para os insetos benéficos que se alimentam do seu pólen, formando corredores biológicos naturais.
domingo, 2 de fevereiro de 2014
Barca Velha tinto 2004, um ícone do Douro Barca Velha tinto 2004, um ícone do Douro Não há adjetivos suficientes para descrever um vinho do qual, em 61 anos foram aproveitadas apenas 17 safras. Estramos falando, é claro, do Barca Velha, símbolo indiscutível do apuro, do imenso cuidado e da qualidade conferidos aos vinhos do Douro; um clássico de complexidade e elegância reconhecidos pelos mais exigentes apreciadores. O Barca Velha é o alicerce sob o qual se plantou o prestígio da Casa Ferreirinha, a marca com maior tradição de qualidade no Douro e uma das principais referências mundiais.
segunda-feira, 27 de janeiro de 2014
Vinhos bons e baratos; basta saber escolher Vinhos bons e baratos; basta saber escolher Há uma pressa enorme no mercado vinícola, os produtores, para fazer face à crise, desdobram-se em viagens para tentar vender o seu vinho, o Oriente parece ser um dos destinos escolhidos. A crise obriga a repensar estratégias e a redefinir prioridades. Quando se produz pouco o esforço é pequeno, mas quando as quantidades em causa são grandes há que suar. Em recente publicação espanhola — “Vinos de España” — está incluída uma seleção de 124 vinhos a menos de €6.
terça-feira, 26 de novembro de 2013
Vinho; do terroir à marca Vinho; do terroir à marca Os romanos foram os primeiros globalizadores”, observou Pierre Legendre. A eles, então, o reino, o poder e a glória − era assim que Plínio, o Ancião, naturalista de língua latina nascido no ano 23 d.C., se felicitava: “Não há ninguém que não pense que, ao unir o Universo, a majestade do Império Romano fez progredir a civilização graças às trocas comerciais e à comunidade de uma feliz paz, e que todos os produtos, mesmo os que antes estavam escondidos, viram sua utilização se generalizar”.
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 ... 18


Copyright 2014 ® Todos os Direitos Reservados.