Por que Glauco e Raoni?

sexta-feira, 19 de março de 2010

Respeitado e querido pela comunidade intelectual do país, o brutal assassinato do cartunista Glauco e do seu filho Raoni, está envolto em uma nuvem de mistério. Não parecem muito claras as relações entre a família de Glauco e o assassino. Um texto apócrifo que circula na internet está aqui transcrito na integra e, embora confuso,denuncia no mínimo uma dissidência entre os seguidores do “Santo Daime.” Leia, reflita e esperemos as reportagens das revistas semanais.(Nota do editor)

Por que Glauco e Raoni?



“Assassinato frio ou conseqüências do intenso uso de drogas nos rituais de daime no céu de Maria que é  fundado pelo Glauco a qual está citado em documentos entregue a Polícia Federal?

 Morre Glauco Villas Boas e seu filho Raoni, cultuadores e propagadores de drogas nos rituais de santo daime.

Primeiramente faço um esboço de como é que acontece e a forma de como se comportam os membros do falso santo daime em seus rituais onde usam muita  DROGA, antes, durante e após seus rituais. O céu de Maria fundado pelo senhor Glauco no Pico do Jaraguá não é apenas um destes pontos de aliciamento e uso de drogas, mas sim o MAIOR PONTO de distribuição de DROGAS em rituais de santo daime do Estado de São Paulo.

Em segundo lugar, como a mídia apresentou o cartunista da rede globo Glauco como sendo uma santidade e um líder espiritual, irei mostrar uma série de vídeos e documentos que constatam o intenso uso, aliciamento e tráfico de drogas existentes no falso santo daime, cefluris, onde Glauco e seu filho Raoni pertenciam quando vivos, no céu de Maria. Vídeos que mostram o antro de drogas e tráfico que é o céu de Maria fundado pelo cartunista Glauco. O livro SANTO DAIME REVELADO DROGAS FRAUDES E MENTIRAS, que está em 04 idiomas à disposição da humanidade http://www.ceunossasenhoradaconceicao.com.br/livro/revelado.asp faz menções sérias sobre o céu de maria, seu fundador Glauco e filho que foram assassinados.

Pag.10 Glauco e Bia reencarnação de José e maria

Pág.29 céu de maria

Pag 30, 2º parágrafo: menores se drogando

Pagina 31: Sebastião maconha com pasta base de cocaína,

Pag 87: Cefluris ser a mancha do daime

Pag 88: já no inicio falando do aliciamento do cefluris

Da pág. 173 à 178: o ritual, fala-se muito sobre o uso intenso de drogas no céu de Maria do Glauco e esposa e no céu da lua cheia do parceiro Leo Artese.

Como são estes rituais?

As oblações estão prestes a começar. Todos já tomaram suas posições em círculo ao redor da mesa central.

Encima desta, encontra-se a   cruz de Caravaca, quase sempre circundada por uma série de imagens, dentre as quais destaca-se a figura de Sebastião de Mota Melo, fundador do Centro Eclético da Fluente Luz Universal Raimundo Irineu Serra: CEFLURIS.

Mais próximo da mesa encontra-se os músicos e o ?comandante?, diretor dos trabalhos. Logo atrás destes, vem os fardados: membros já “batizados” na doutrina e que ostentam a estrela Salomônica no peito.

Suas vestes são características: os homens usam calça e gravata azul, sapato preto e camisa branca. Já as mulheres vestem uma estranha roupa, verde e branca, usando por vezes uma coroa na cabeça.

Mais atrás ainda, os demais frequentadores, os quais não foram batizados ou que estão indo conhecer pela primeira vez ao fatídico ritual.

Se o trabalho for fechado, apenas para participantes antigos, ali será oferecida a MACONHA, sob a alcunha de SANTA MARIA, num ritual de oblação e consagração da mesma.

Se o ritual for aberto, muitos frequentadores já fumaram antes e as escondidas, para não chocar os participantes novos e quase sempre incautos, bem como para não se verem flagrados por policiais disfarçados.

Claro, sempre há o ousado que não quer nem saber e fuma na frente de qualquer um  “Foda-se todo mundo, eu quero é mais.”

 A história não mostrada.

Levianos como não poderiam deixar de ser, os seguidores de Sebastião de Mota Melo, membros do CEFLURIS, para não se verem incomodados com a Polícia, atribuem à cannabis sativa o nome de Santa Maria, à pasta-base da coca, o nome de santa Clara e mais recentemente usam o crack com o nome de São Pedro. Cantam louvores num ritual profano, criminoso e inaceitável à sociedade brasileira, onde incentivam e aliciam mesmo até menores de idade a se drogarem e se prenderem na maldição dos vícios.

Dentre os maiores hinários existentes desta corrente criminosa chamada CEFLURIS, o do Senhor GLAUCO VILLAS BOAS, já falecido, hinário este conhecido com “Chaveirinho” é o que mais canta louvores à SANTA MARIA, e qualquer um que se interesse pelo assunto sabe que a mesma se trata da vulgarmente conhecida MACONHA.

O céu de Maria fundado pelo senhor Glauco, tráfico de drogas e flagrantes pela Polícia Federal.

O Senhor Glauco Villas Boas e seu filho, propagadores do uso da cannabis sativa e, portanto, criminosos e delinquentes. Glauco aparece no site do Último Segundo, na internet, quando do noticiário de sua morte, ostentando um camiseta em cuja estampa evidencia-se uma enorme folha de maconha.

Muito já foi dito sobre esta situação e poucas providências foram tomadas pelo poder público.

O antropólogo Edward MacRae relata com clareza em seus estudos, trazidos também a público pela escritora e antropóloga Beatriz Caiuby Labate, a utilização da cannabis sativa misturada com ayahuasca pelo seguimento CEFLURIS.

Os trabalhos de Sandra Goulart, do Instituto de Filosofia e Ciências Sociais da Universidade Federal do Rio de Janeiro, bem como a extensa obra do escritor Emiliano Dias Linhares, conhecido como Gideon dos Lakotas, em seu livro “Santo Daime Revelado: Drogas, Fraudes e Mentiras” em quatro idiomas, afirma e relata, respectivamente, a utilização de drogas nos rituais promovidos pelo CEFLURIS e, no livro retro citado, encontra-se uma série de depoimentos de pessoas que foram vítimas dessa organização criminosa:

http://www.ceunossasenhoradaconceicao.com.br/livro/revelado.asp

Para aqueles que não sabem, a cúpula central desta organização criminosa localiza-se na região do Amazonas, numa vila conhecida como CÉU DO MAPIA.

Desnecessário dizer que o local, longe de tudo e de todos, funciona como ponto de tráfico de drogas. O escritor Gideon dos Lakotas fala durante uma reportagem realizada pela TV do Governo Federal NBR sobre o documento de denúncia com mais de 300 páginas entregue ao Departamento de Polícia Federal:

http://www.youtube.com/watch?v=sLrxHt-2JWQ&feature=player_embedded

Após esta denúncia efetuada junto ao Departamento de Polícia Federal, ocorreu em julho de 2009 o FLAGRANTE de TRÁFICO DE ENTORPECENTES no CÉU DO MAPIÁ, onde foram apreendidos 92kg de maconha pronta para o consumo, bem como ainda constatado uma grande plantação da cannabis sativa. Segundo ainda o Senhor Delegado da Polícia Federal Renato Fanton, recebia-se pasta base de cocaína do Peru e pagavam-na com as folhas da cannabis. Esta reportagem está disponível na edição on-line do jornal  agazeta.com :

http://www.agazeta.net/index.php?option=com_content&view=article&id=6455:traficantes-estao-negociando-maconha-por-cocaina-no-acre&catid=19:acre

Numa reportagem realizada pela rede Record aparece uma filmagem do senhor GLAUCO (aos 09 minutos e 15 segundos do vídeo), tocando sanfona durante um ritual no Céu do Mapiá  Boca do Acre AM, o local referido pela Polícia Federal no flagrante do tráfico de drogas internacional:

 http://videos.r7.com/testemunha-conta-como-aconteceu-o-assassinato-do-cartunista-glauco-e-seu-filho-/idmedia/d27d591db92f0834aaa352cfa39ad30d.html

Um dos maiores pontos de distribuição de drogas em rituais do falso santo daime é o CÉU DE MARIA, fundado pelo Sr.Glauco, na chácara em que morava no Pico do Jaraguá. Esta igreja do cefluris, o céu de Maria, é citada em documentos que estão em mãos da Polícia Federal.  Um manifesto se encontra na Folha de São Paulo onde explica uma outra versão sobre o assassinato ocorrido:

http://comentarios.folha.com.br/comentarios?sr=351&comment=13705&done=http://www1.folha.uol.com.br/folha/cotidiano/ult95u706623.shtml%23anc42114&skin=folhaonline

 Existem diversos vídeos onde pessoas que eram membros de igrejas do falso santo daime do cefluris, após se identificarem relatam o intenso USO das DROGAS nos rituais. Este vídeo mostra tais coisas a partir do segundo minuto: http://www.youtube.com/watch?v=_QLSnqbShvw&feature=related Existem vídeos onde o escritor Gideon dos Lakotas alerta

O escritor Gideon dos Lakotas é outro que abertamente fala em vídeo sobre o intenso uso de drogas ainda existente nos rituais de santo daime como no céu de Maria do Glauco e da Beatriz Galvão no Pico do Jaraguá SP e do céu da Lua Cheia do Sr. Leo Artese em Itapecerica da Serra SP, céu do vale do senhor Walter Dias e sua esposa Ana em Pindamonhangaba SP, etc. http://www.youtube.com/watch?v=IDSYXuaVduw

O uso intenso de drogas com o santo daime em igrejas do cefluris como o céu de Maria fundado pelo cartunista Glauco, vem se tornando tão intenso, desenfreado, prejudicando a tantas pessoas que a Federação Nacional da Ayahuasca resolveu oferecer gratuitamente serviços advocatícios em nível nacional para as vítimas que foram em busca do verdadeiro DAIME e terminaram viciados em drogas:

http://www.youtube.com/watch?v=FxH37xgCHbg

Um lugar que deveria servir ao sagrado, exibe-se como antro de perdição: por trás das orações esconde-se o delito.

O assassinato do senhor GLAUCO VILLAS BOAS e seu filho, foi noticiado por todos os maiores meios de comunicação. Em que pese carecer-se de maiores detalhes com relação ao ato criminoso, restou-se público e notório que o acusado de ser o assassino era frequentador de sua igreja, Céu de Maria, em que o mesmo estava e era um drogado.

Comportamentos inaceitáveis como estes, de ostensivo desrespeito ao comando normativo jurídico, num ato barbário de tráfico ilícito de entorpecentes, sob as vestes de uma religião, aliciando pessoas de boa-fé que ao procurarem ajuda numa doutrina seria que é o Santo Daime, depara-se com uma corja de bandidos que não só praticam o ato ilícito como denigrem as verdadeiras e legítimas vertentes trabalhadoras do Cristo, comportamentos assim merecem uma resposta rápida e enérgica das autoridades deste país.

Igrejas sérias, trabalhadores honestos, correntes daimistas que cumprem a lei e uma função social sempre guarida pelas normas constitucionais de nossa Magna Carta; Igrejas do Santo Daime de Raimundo Irineu Serra; Pontos de Luz da União do Vegetal, do Mestre Gabriel; os Institutos Xamânicos ligados do Céu Nossa Senhora da Conceição de Gideon dos Lakotas; as igrejas da tão carinhosa e querida Barquinha, todas estas acabam por vezes tendo suas missões comprometidas e seus atos confundidos com os praticados pelo CEFLURIS.

Que o poder público não olvide de suas funções constitucionais e que os agentes públicos e políticos tomem as providências necessárias para coibir as práticas delituosas do Centro Eclético da Fluente Luz Universal Raimundo Irineu Serra: CEFLURIS.

Já não pode haver mais espaço e nem condescendência a práticas como estas num planeta que já atingiu o limite do tolerável.

Às autoridades públicas que detém o poder e também reclamam por um mundo melhor, fica aqui o desabafo de um cidadão e a rogativa às vossas consciências para que ajam, para que ajam , para que ajam contra essa organização.

De resto, meu muito obrigado e que Deus vos abençoe.”


Autor: Anônimo
Publicação vista 2827 vezes


Existe 5 comentários para esta publicação
domingo, 21/3/2010 por Maria de Brito
Devia ter publicado esse texto antes!
Concordo com o seu ponto de vista, mas porquê você não teve essa idéia de levar a público antes do crime ser consumado?
sábado, 20/3/2010 por Ester
Texto excelente
Gostei muito da maneira como o assunto foi abordado. Mostrou claramente que os rituais do Santo Daime nada tem a ver com drogas. Aliás, livra muitas pessoas do vício. É preciso saber distinguir e não se deixar enganar.
sexta-feira, 19/3/2010 por Maria
CLAUCO E RAONI.
Fiquei e continuo chocada, porquê alguma coisa não está batendo...Entrevistas duvidosas...Enfim, eles perderão a vida muito jovens. Triste destinoS!!
sexta-feira, 19/3/2010 por Valter
Aí tem coisa!
Nada, absolutamente nada justifica uma brutalidade dessas, mas que há algo estranho nessa história,há sim.Parece que a imprensa tenta proteger a imagem da vítima de alguma coisa.Voces perceberam que o assassino tinha o celular da mulher da vítima?
quinta-feira, 18/3/2010 por Thelmo Melgaço
A Globo e suas mazelas
A Rede Globo de Televisão é a maior das propagadoras do mal que existe no Brasil. As crianças desde cedo são doutrinadas ao homossexualismo, ao adultério e agora, pasmem, a normalidade do ato repudiante de se fumar maconha. Vide o caso Glauco.
Enviar comentário


Confira na mesma editoria:
A vida em 21 capitais
A vida em 21 capitais
Política sem valores
Política sem valores
Copyright 2014 ® Todos os Direitos Reservados.